Humor infeliz

Stallone “cobra” do Brasil…

Ainda na parte da tarde, li rapidamente um tweet comentando o “Cala boca Sylvester Stalloone”  que achei engraçado. Mas por estar muito ocupada, não tive a chance de parar pra ler e me inteirar do que estava acontecendo. Já em casa, na parte da noite, vi o nome dele no topo do  TT e logo pensei, o cara aprontou. Quero saber como surgiu. ntes, havia postado um pensamento para brincar com os amigos no Twitter.

Estava no Facebook, respondendo ao comentário de uma amiga que mora nos EUA e  ela estava defendendo Sylvester Stallone no caso do “humor infeliz” – como desculpou-se ele – se referindo ao Brasil e aos brasileiros. Esse assunto me arrebatou e como não consegui abreviar meu pensamento,  optei por transformá-lo num post do blog.

… vc mesma reconhece, quando diz: “Eu acho, sim, que todos têm que ter limites, lisura, respeito para com os outros.” Depois de ler todo o post dela, voltei para a frase acima e senti uma incontrolável vontade de me expressar. Então, comecei a emitir minha opinião sobre o assunto.

No meu entender, ele cometeu falta de respeito, não teve limite, nem lisura e mereceu sim, um bem dado CALA BOCA SYLVESTER STALONE pelo Twitter, atingindo o primeiríssimo lugar no TT. Tal foi a revolta da galera que inclusive é fã dele e o tratou muito bem qd esteve filmando aqui. Para casos como esse, temos que lembrar daquele ditado popular: “Quem fala o que quer escuta o que não quer!” Ele podia ter pensado nas consequências, antes de falar desse país onde tem milhares de fãs. Menos eu, que odeio a violência dos filmes dele! Uma celebridade como Stallone, vive do $uce$$o da bilheteria dos filmes, que os fãs pagam pra ver. Ele só vai entender a resposta, se a bilheteria do filme corresponder ao volume de críticas. Vou ficar na torcida contra o filme. Tomara que os fãs sejam firmes e mantenham a indignação. Ele fez uma piada grotesca e ridicularizou nosso país no âmbito internacional.  Certamente, quando soube do tamanho da pressão dos brasileiros pelo Twitter, resolveu  distribuir uma Nota de Imprensa com pedido de desculpas. Vamos acompanhar pra ver se vai ficar o dito pelo não dito. A vida ensina que “há coisas que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida.”

Não precisamos do Stallone pra saber que tem muita coisa errada com o Brasil e como tem! São problemas internos, que pertencem aos brasileiros. Temos até piadas sobre o tema, que os Cassetas gostam de fazer. E acabamos rindo dessa bagunça toda que é o Brasil.

Cada vez mais, me convenço que ser ou não ser patriota é uma questão de escolha, vivemos numa democracia. Tem brasileiro que suja o nome do Brasil, dentro e fora do país. Isso é o tempo todo! Mas não é só coisa de brasileiros… No planeta inteiro tem gente pra tudo, cometendo crimes absurdos! Tudo tem seu preço e de alguma forma os erros são cobrados. Uma hora eles pagam pelo que fazem! No nosso caso, a acolhida que os brasileiros sempre deram aos estrangeiros, originou até um personagem humorístico que dizia: “Brasileiro é tão bonzinho!” E é nisso que dá! Os bonzinhos sempre se… dão mal!  O nosso povo é alegre, receptivo, carinhoso e também é desleixado com suas coisas. Quanto mais sofre, mais precisa aprender, pagando com a própria dor. Somos um país jovem e precoce, que cresceu desordenadamente, sem estrutura pra suportar o gigantismo. E o maior de todos os pecados foi cometido durante o crescimento do Brasil. Os governos se sucederam e não deram prioridade ao setor da educação! Desde os tempos de escola, aprendemos que o lema da nossa bandeira é “Ordem e Progresso”. Mas aconteceu que a ordem acabou invertida, porque o progresso gerou uma grande desordem. A  democracia é um tipo de liberdade que deve ser exercida com critérios. Mas no Brasil, isso não aconteceu. O que temos visto são excessos de permissividade, tanto na esfera política quanto na camada social. Creio que foi assim que viramos o país do “jeitinho brasileiro”. Alguns, principalmente os políticos e a burguesia, acham que aqui tudo pode… Mas não é bem assim… A ordem tem que voltar ao seu lugar de origem, no nosso lema. Primeiro Ordem depois Progresso. Ordem na educação, saúde e habitação. Progresso na geração de rendas e oportunidade de empregos. Somos um povo feliz pela própria Natureza, donos da maior riqueza!  Sobre ser ou não patriota, o comportamento sempre fala mais alto. Esperamos que os brasileiros aprendam a deixar de votar em políticos corruptos. Estes subtraem o que pertence ao povo, sem nenhum respeito pelos votos que os elegeu. Enfim, é preciso amar o Brasil para ter orgulho da própria nacionalidade.

Anúncios

Uma imagem que vale mais de 1000 palavras…

3669622788_3e3f8a704f

http://www.flickr.com/photos/jumeliani/3669622788/sizes/m/

Essa foto do Julio Meliani – Los Angeles, CA me despertou o post, quando já estava para desligar a máquina…

Não me considero fanática por futebol. Mas sou brasileira! E quando surge uma ocasião de torcer pelo Brasil, como foi nesse jogo Brasil x EUA, valendo a Copa das Confederações, claro que assisto, incluindo os cacoetes de quem sabe tudo sobre o esporte nacional… ai quem me dera!

O fim de semana foi movimentado… subida para Teresópolis na sexta-feira e volta  ao cair da tarde de sábado, emendado com uma “noite de queijos e vinhos” em Niterói. E com o frio desse inverno, sabendo que o vinho estava liberado, ficou fácil degustar umas taças a mais…

Domingo, acordei com ar de preguiça… descobri que deixei o computador ligado… Ai que chato! Não gosto de fazer isso, mas escapou. Pois é… cheguei cansada da festa e por força do hábito liguei o computador… mas a cama, dessa vez, estava mais atraente… e eu fui pra ela.

Depois do café, passei na frente do computador e resolvi dar uma olhadinha na tela… atualizei o Twitter e lá estava alguém comentando sobre EUA 2 x 1 Brasil… CHUPAAA!!! Hummm… lembrei da Espanha “voltando pra casa”… e fiquei na dúvida, entre ver e não ver… resolvi torcer… e logo aconteceu aquele gol do Kaká que o bandeirinha não marcou… achei apertado para o Brasil virar o jogo porque estava no segundo tempo…

A galera do Twitter dizia barbaridades… tinha de tudo: a culpa era do Sarney… do Lula… do Obama… e até o “pobre” Michael Jackson, já estava sendo culpado pelo dois gols americanos, coitado!

E o Brasil começou a virar o jogo: Gooooool do Brasil!!! Logo veio outro: Goooooool do Brasil!!! Ganhamos de 3×2, sendo que o placar moral deve ser 4×2… Vieram as premiações… e o Capitão Lúcio ergueu a Taça de Campeão da Copa das Confederações!!! E o domingo ficou perfeito!!!

Saí para ir a igreja, um compromisso religioso importante, no encerramento do Ano Paulino, véspera do dia de São Pedro, Chefe da Igreja Católica. E voltei ao computador na hora do Fantástico… estava interessada nas matérias e homenagens ao Michael Jackson… resolvi fazer uns posts para comentar a entrevista daquela senhora brasileira que era cozinheira dele:

“Na entrevista ao FANTÁSTICO – ela deu uma pista importante que poderia esclarecer as causas das suspeitas de pedofilia…”

“Ela deu a entender que MJ gostava de se sentir uma criança… ele praticamente não teve infância… isso explica muita coisa…”

“Há muitos anos, fiquei comovida com uma entrevista de MJ – ainda criança – onde ele revelou que chorava em silêncio nos saguões de aeroportos enquanto esperava o próximo voo, porque ele não gostava de embarcar por medo de voar…”

“O que me intrigou na entrevista da cozinheira foi que MJ mal conseguia comer… Então, como o empresário esperava que ele cumprisse a extensa agenda de shows que estava sendo programada? #MJ’s

Mais tarde um pouco, respondi a um post da Maria Rita, em que ela comentava sobre o Festival de Parintins:

“@MROFICIAL O Festival de Parintins é lindo! Com ressalvas, pq perdeu originalidade em função do comercial. “Virou show pra inglês ver”.

Quando já me preparava para sair da internet… uma olhadinha a mais… e encontrei uma chamada para o Twitter @JorgePontual e aproveitei para ler os comentários dele sobre a situação política do Irã, quando achei o link da foto do Julio Meliani que ilustra o post… e que vale mais do que um post de mil palavras… vale prêmio! Mas, não contive o desejo de expressar minhas opiniões sobre os assuntos que vão pontuar o início da semana.

Quando liguei a TV pra ver o jogo o #CHUPA era do Brasil… agora é deles: EUA#CHUPA!!!

Me rendi ao Twitter!

Quero me desculpar com os amigos do blog pela ausência.  Andei bastante ocupada na editora, fechando a edição da nossa gramática, pela nova ortografia.  Finalmente, entramos na fase de impressão gráfica. Agora é esperar. Dá-lhe ansiedade! Aguardem comigo. Falta pouco. Vou fazer uma postagem especial para  mostrar a capa e tudo o mais sobre esse lançamento.

É fácil aprender Português!

Autora: Prof. Dionilce Silva de Faria

600 exercícios com respostas

Para concurso e vestibular

208 páginas / 16 x 23cm

Apesar do pouco tempo para dispor com meus interesses na internet, na última semana fiz meu cadastro no Twitter : laboure_lima. Gente, quase fui “abduzida pelo clarão”… (rs)! Fiquei plugada aprendendo a manusear o micro-blogging.  Um comportamento virtual diferente,  interessante, fascinante e dinâmico. Adorei! Tem muita gente boa lá! Vale a pena ousar e usar! Experimentem! Usado com sabedoria é uma excelente ferramenta de divulgação! O detalhe chato é que são apenas 140 caracteres em cada postagem.

Lançado em 2006, pela Obvious Corp. em São Francisco, alcançou recentemente o gosto dos internautas no Brasil e está crescendo bastante por aqui. Principalmente, depois que os veículos de comunicação aderiram para agilizar a informação e conquistar a audiência.

A nossa editora também foi cadastrada: (@ed_muiraquita). Aliás, foi por causa dela que entrei. Temos necessidade de divulgar mais e melhor os nossos livros e autores. http://editoramuiraquita.blogspot.com Vocês sabem, os pequenos editores não contam com os mesmos recursos que os outros… logo, navegar é preciso!

Prometo contar os momentos mais curiosos  da minha entrada no Twitter, depois, em outro post.  Combinado?

Estou sempre pronta para aprender… não só no Twitter, mas em muitas outras coisas. O novo é instigante! E aí, reside uma das mais apaixonantes aventuras da vida: desbravar!

Beijos de carinho e amizade.

Paz e Bem!

PS. O texto está sem revisão. Assim, perdão pelos possíveis erros. (Parafraseando Monteiro Lobato: os erros são como os sacis que põe a língua de fora quando o texto fica pronto. E como ele mesmo dizia: “Trata-se de um mistério que a ciência ainda não conseguiu decifrar… “)

The twitteramigos Daily

Paperli.PaperWidget.Show({
pid: 'laboure_lima/twitteramigos',
width: 200,
background: '#FB0000'
})

%d blogueiros gostam disto: