A imagem que se tornou marca registrada nas viagens do Papa Francisco pelo mundo…

Sempre que olho esta cena do Papa com a sua própria maleta a entrada da aeronave, não consigo esquecer da imediata empatia na primeira vez que o vimos assim tão despojado, tão querido em sua simplicidade papal.  O Francisco que amamos é aquele pai compromissado e feliz com seu trabalho, que não se importa com regalias.  O que seu carisma tem revelado, em muitas ocasiões desde aquela cena em que se curvou para o povo abençoá-lo, após ser anunciado como o novo Papa, é que ele não quer deixar de ser gente como a gente. É dessa forma que pensamos nele, e talvez sejam muitos os que acreditam que Francisco seja um homem livre de vaidades. Mas, ele é um Chefe de Estado e tem que seguir os protocolos do Vaticano, principalmente, por questão de segurança. Tristemente sabemos que nem todos são seus admiradores, nem o amam como nós. Que Deus o proteja em sua Missão Papa Francisco, e nunca lhe falte saúde e coragem de ser essa grande liderança espiritual que comove e encanta os cristãos do mundo inteiro.

 

foto_octaviopassos_globalimagens

Foto: Octavio Passos Reprodução: Global Imagens

Acaso não sabeis? #EuSouDaImaculada

FATIMA_pedrocorreia_globalimagens

Foto: Pedro Correia Reprodução: Global Imagens

O papa interpelou diretamente os fiéis, questionando-os sobre com qual “Maria” peregrinam.

“A Bendita por ter acreditado (…) ou (…) a ‘Santinha’ a quem se recorre para obter favores a baixo preço?”, questionou o Bispo de Roma, para quem os cristãos devem ser, antes de mais, “marianos”.

 

Disse o Papa Francisco aos fiéis antes da procissão de velas, na noite de 12 de maio/2017, na Capelinha das Aparições, no Santuário de Fátima.

“Ponhamos de lado qualquer forma de medo ou temor porque não se coadunam com quem é amado” – #PapaFrancisco

jornalpublico_paulopimenta2

Foto Reprodução: Jornal Público/ Paulo Pimenta

“Sobre cada um dos deserdados e infelizes a quem roubaram o presente, dos excluídos e abandonados a quem negam o futuro, dos órfãos e injustiçados a quem não se permite ter um passado, desça a bênção de Deus encarnado em Jesus Cristo.”

Papa Francisco

 

Fonte: Jornal Público

Esse é o Francisco, peregrino da paz, que nós amamos. #SantuáriodeFátima #Fátima2017 #Papa2017

Imagens comoventes do #PapaFrancisco caminhando no meio do povo, em direção a Capelinha das Aparições para rezar o Santo Rosário com os peregrinos, no início dessa noite de 12 de maio de 2017, no Santuário de Fátima. Depois das orações, antes da procissão das velas, ele se retirou no papamóvel. E quebrando o protocolo, sentou-se na parte interna do carro ao lado do motorista. Certamente, o frio noturno, pode ter sido o motivo para o papa Francisco evitar o desfile na parte externa do papamóvel. Esse é o Francisco, peregrino da paz, que nós amamos. Gente como a gente. Em Leiria, temperatura 9°Graus.

por Labouré Lima

 

Fonte das fotos: Santuário de Fátima

 

18451534_1534230376596544_5320656564310340286_o

18402163_1534230479929867_8511612824756996271_o.jpg

18423193_1534230486596533_6178730807381509400_o

Papa Francisco entrega a Rosa de Ouro à Senhora de Fátima. #PapaFrancisco #PapaFatima #Fatima100 #Fatima2017

Nesta tarde de 12 de Maio de 2017, durante as orações do Sumo Pontífice na Capelinha das Aparições,  ele depositou a rosa dourada aos pés de Nossa Senhora de Fátima. E conforme o Papa Francisco afirmou antes de sair do Vaticano,  que ele visita o Santuário qual um peregrino da paz. Sobre a entrega da ‘Rosa de Ouro’, ela simboliza o bouquet de intenções dos peregrinos do mundo inteiro  Oremos pelas intenções do Papa Francisco. Peçamos também que a Virgem Mãe ouça as orações do Santo Padre e por seu intermédio conceda os pedidos que estão em nossos corações. Amém

por Labouré Lima

————————

Francisco rezou diante da imagem de Nossa Senhora de Fátima e ofereceu a Rosa de Ouro, presente especial que os Papas oferecem em visitas marianas. 

“No mais íntimo do teu ser, no teu Imaculado Coração, vê as dores da família humana que geme e chora neste vale de lágrimas. No mais íntimo do teu ser, no teu Imaculado Coração, adorna-nos do fulgor de todas as joias da tua coroa e faz-nos peregrinos como peregrina foste Tu”, pediu.

“E assim seremos, como Tu, imagem da coluna luminosa que alumia os caminhos do mundo, a todos mostrando que Deus existe, que Deus está, que Deus habita no meio do seu povo, ontem, hoje e por toda a eternidade”.

A oração foi concluída com a consagração jubiliar rezada junto com os fiéis.

Depois, Francisco ofereceu a Nossa Senhora a Rosa de Ouro. Um presente que, na realidade, é de prata; uma distinção que os Papas fazem em visitas marianas. Uma exclusividade do Pontífice, desde o século IX.

por Canção Nova

18446583_1534095749943340_8879604215334536350_n

Foto: reprodução Santuário de Fátima Portugal

Transmissão direto de #Portugal Sob as vestes do Pastor Universal, o #PapaFrancisco visita o Santuário de Fátima

No seu apelo à oração, Francisco diz que precisa da “união física ou espiritual” de todos. “O importante é que seja do coração”, apela, referindo-se aos que estão sob o seu cuidado como o seu “bouquet de flores”. E não deixa dúvidas sobre o carácter da peregrinação que irá empreender, recuperando a mensagem inicial dos fenómenos de Fátima, basicamente constituídos pelo apelo à oração e ao recitar do terço e pela necessidade de conversão dos pecadores. “Entregai-vos todos a Nossa Senhora, pedindo-lhe para segredar a cada um: ‘o meu imaculado coração será o teu refúgio e o caminho que te conduzirá até Deus. Com Maria, peregrino na esperança e na paz.’ Assim reza o lema desta nossa peregrinação, sendo todo ele um programa de conversão”, refere na mensagem divulgada esta quarta-feira.

Descrevendo-se como “um pecador entre pecadores”, o Papa aproveita para agradecer “as orações e sacrifícios” que diz serem oferecidos “diariamente” em seu nome e refere-se ao centenário das Aparições como “um momento abençoado, que culmina um centenário de momentos abençoados”. “A oração ilumina os meus olhos, para saber olhar os outros como Deus os vê, para amar os outros como Ele o sabe. No seu nome venho até vós na alegria de partilhar convosco o Evangelho da esperança e da paz”, diz.

Era uma vez ’11 de Setembro’ – direto do túnel do tempo…

311006_2082409585129_202147566_n
O mês do aniversário das Edições Muiraquitã é um tempo de memórias e portanto vale relembrar alguns fatos marcantes, como esse da foto, em que a editora Labouré Lima encontrava-se em Viseu-Portugal para o lançamento do livro ‘Vil de Souto – Cantinho da Beira Alta’ do escritor português Augusto Lopes*. O livro traz uma pesquisa histórica sobre a formação da freguesia Casal de Vil de Souto, cujo significado quer dizer vale dos castanheiros. E dentre as famílias formadoras dessa povoação encontra-se a que deu origem a árvore genealógica do Comendador Thomás Lima. Ele foi um dos fundadores e presidente do antigo Banco Predial do Estado do Rio de Janeiro, vendido para o Unibanco e recentemente incorporado ao Grupo Itaú S/A. O comendador imigrou de Portugal para o Brasil. E com apenas 13 anos ele deixou Viseu para morar em Niterói-RJ, com seu irmão que já morava nesta cidade. Assim ele formou um novo núcleo familiar e construiu ao longo do tempo a sua história na comunidade luso-brasileira do Estado do Rio de Janeiro.
Nesta ocasião festiva, torna-se imprescindível registrar a nossa homenagem à memória do Dr. Tomaz Correia de Miranda Lima (filho do Comendador), ex-presidente do Elos Clube de Niterói e Centro da Comunidade Luso-Brasileira do Estado do Rio de Janeiro que introduziu essa editora no seio da Comunidade Lusíada.
Retomando a história do lançamento do livro, o evento estava agendado para Setembro de 2001. Poucas horas antes do nosso embarque para Portugal, foram despachados 1000 exemplares do livro que deveriam seguir no mesmo voo, como bagagem acompanhada. Mas aquele onze de setembro não seria um dia qualquer. O mundo inteiro assistiu com perplexidade e sofreu com as cenas de horror daquela manhã de setembro, em que as Torres Gêmeas do World Trade Center (WTC) foram ao chão, barbaramente atingidas por dois aviões, causadores da tragédia que abalou o Mundo. De um momento para o outro, a paisagem de NYC foi encoberta por uma densa nuvem de poeira, carregada de muita dor e medo.  Aquele dia marcou a história política do nosso tempo e o Mundo nunca mais foi o mesmo depois do maior ataque terrorista aos Estados Unidos.
Depois do impacto das primeiras imagens, consideramos que seria complicado passar dez horas dentro de um avião e atravessar o Oceano. Então, nos rendemos ao pânico de embarcar naquele dia e transferimos a data da viagem.
Alguns dias depois, voamos para Portugal. Do outro lado do Oceano, fomos recebidos com um evento super bem cuidado, organizado pelo autor, sua família e um grupo de amigos. O escritor Augusto Lopes autografou mais de 400 livros em sua tarde de estreia. O que presenciamos não foi propriamente uma ‘sessão de autógrafos’, mas um ‘show de autógrafos’  entremeado com música, dança folclórica, gastronomia e exposição de artes plásticas, assinada por artistas regionais da Beira Alta. O eventou também contou com a cobertura jornalística da Radio Renascença e do Jornal Notícias de Viseu, aos quais a editora e o autor deram entrevista para divulgar o livro ‘VIL DE SOUTO – Cantinho da Beira Alta’.  Como se pode observar o lançamento desse livro marcou a história da editora de muitas formas.
*Augusto Lopes, mudou-se de Portugal para Genebra, onde, trabalha, estuda,  assina uma coluna de jornal, apresenta um programa de rádio e continua a escrever e a publicar seus livros. O mais recente é ‘Meu Sol de Genebra’, publicado pela editora Chiado, em língua portuguesa. Mas também pode ser lido nas versões italiana e francesa.
NOTA: O post foi publicado às 23:22horas de 11 de Setembro, pela hora de Brasília. Mas  o WordPress o considerou como 12 de setembro.  Só um registro.

Junho e a minha caixinha dos afetos…

foto-mamae-e-tomaz

Realmente não posso dizer que tenha sido fácil atravessar esse mês. E a bem da verdade, depois dessas duas perdas simultâneas em 22 e 23 de junho de 2010, a vida ficou diferente… Apesar disso agradeço a Deus, pois encontrei reforço no amor da família e no carinho das amizades que sobreviveram ao tempo. Olhando para outra direção encontro a minha caixinha dos afetos, o pronto socorro aonde ficam armazenadas as boas lembranças. Elas ajudam a resgatar fragmentos da história e a amenizar a saudade.

Essa foto com a mamãe e o Tomaz abraçados a pinheira centenária que fica atrás da casa, foi clicada por mim, na aldeia Casal de Vil de Souto, Viseu, Portugal, aonde nasceu meu marido Tomaz Lima. Esse lugar memorável era um cantinho feliz… o nosso pequeno pedaço do paraíso no mundo.

30 de Junho era o dia dela… E apesar da imensa saudade da nossa matriarca, certamente esse não é um dia para tristezas. A nossa EUNICE era uma mulher alegre e plena de vida, gostava de festas e de reunir a família em torno de uma boa mesa… Guardamos esse dia em respeito a sua memória, pelo amor que sentimos, pelo que representa para a família que construiu, pelos amigos que conquistou, pelo bem que fez em sua missão na terra e pelo exemplo de vida que ficou como legado.

#13demaio #DiaDeNossaSenhoraDeFátima Transmissão online da Capelinha das Aparições em Portugal

 

capelinha_fc3a1tima

Capelinha das Aparições

Clique na foto para ver e ouvir a transmissão online do Santuário de Fátima em Portugal.

Rogai por nós Santa Mãe de Deus!

Abençoai o Brasil e o Mundo inteiro.

 

Ave-Maria, cheia de graça!
O Senhor é convosco
Bendita sois vóis entre as mulheres
E Bendito é o Fruto do vosso ventre, Jesus
Santa Maria Mãe de Deus,
Rogai por nós os pecadores
Agora e na hora de nossa morte. Amém!

 

“Sim, ó Virgem Santíssima, nos faça dignos de cooperar para o triunfo do seu imaculado coração em todo o mundo.”

 

Programa celebrativo | verão

Da Páscoa até ao final de outubro

08h00 – MISSA, em italiano. De segunda-feira a sábado.

10h00 – TERÇO. Ao sábado, domingo e dias santos.

12h00 – TERÇO. De segunda a sexta-feira.

12h30 – MISSA. De segunda-feira a sábado.

14h00 – HORA DE REPARAÇÃO ao Imaculado Coração de Maria.

15h30 – MISSA, em inglês. De segunda a sexta-feira.

16h00 – TERÇO. Ao sábado, domingo e dias santos.

16h30 – MISSA. Ao domingo e dias santos.

17h00 – SAUDAÇÃO a Nossa Senhora. Ao sábado.

18h30 – TERÇO.

19h15 – MISSA, em espanhol.

21h30 – TERÇO. Seguido de procissão de velas no Recinto de Oração (à quinta-feira, procissão eucarística).

Nas peregrinações aniversárias, de maio a outubro, as celebrações realizadas no Recinto de Oração do Santuário na noite do dia 12 e na manhã do dia 13 são também transmitidas em direto.

Em todos os domingos do verão, a missa das 11h00, celebrada no Recinto de Oração do Santuário, tem também transmissão em direto.

Programa celebrativo | inverno

De novembro até à Páscoa

10h00 – TERÇO. Ao domingo e dias santos.

12h00 – TERÇO. De segunda-feira a sábado.

12h30 – MISSA.

14h00 – HORA DE REPARAÇÃO ao Imaculado Coração de Maria. Ao sábado e domingos (exceto domingos da Quaresma).

16h00 – TERÇO. Ao domingo e dias santos.

18h30 – TERÇO.

19h15 – MISSA, em espanhol. Ao sábado.

21h30 – TERÇO. Seguido de procissão de velas no Recinto de Oração (a procissão de velas realiza-se diariamente até ao início do Advento; do Advento à Páscoa, realiza-se ao sábado e nos dias 12; à quinta-feira, até ao início do Advento, segue-se ao terço procissão eucarística).


 

O terço das 18h30, recitado na Capelinha das Aparições, é transmitido, de segunda a sexta-feira, pela Rádio Renascença, pela Rádio SIM, pelas TV e Rádio Canção Nova e pela Telepace. Ao sábado e domingo, é transmitido pela Rádio SIM.

Esta transmissão contínua a partir da Capelinha das Aparições encontra-se também disponível no canal do Santuário de Fátima em MEO Kanal | 707070

 

Fonte: Santuário de Fátima

 

13227785_1188814251138160_8291920974784230831_o

13227791_1188812571138328_4788104101171361640_o

Procissão de velas em 12 de Maio de 2016. Fotos via página do Santuário no FB.

 

 

 

Visita virtual ao Santuário de Fátima #Portugal

 

Recomendo esse vídeo aos que já visitaram e têm saudade e aos ainda não conhecem o Santuário de Fátima e arredores, como Valinhos, lugar de origem da família dos três pastorinhos. Gosto muito desse caminho dos pastorinhos e algumas vezes o percorri na época da Semana Santa, meditando sobre as 14 estações da Via Sacra, que se encontram representadas ao longo do percurso. É um lugar de fé, oração, contemplação e perfeita sintonia com Deus.  

A pequena aldeia de Aljustrel foi a terra natal dos 3 pastorinhos e fica a poucos quilómetros do centro da Cova da Iria. Pode visitar livremente a casa dos irmãos Francisco e Jacinta que fica logo à entrada da aldeia e com sorte pode até encontrar aí alguns familiares destes que costumam estar na casa.

Valinhos, Fátima; Dezembro 2011Na casa da família da Lúcia funciona um museu que retrata um pouco a vida das pessoas no início do século passado.

Partindo de Aljustrel pode percorrer uma via sacra nos Valinhos. Irá passar por dois locais de grande importância para os acontecimentos de Fátima: o sítio onde se deu a aparição da Nossa Senhora a 19 de Agosto de 1917 (na imagem) e mais à frente a “Loca do Cabeço”, onde terão sido as aparições do Anjo de Portugal.

A via sacra termina no topo da colina onde tem uma boa vista sobre as redondezas e o santuário.

“O Santuário de Nossa Senhora do Rosário de Fátima (mais conhecido, simplesmente, por Santuário de Fátima), localizado na Cova da Iria, freguesia de Fátima (Portugal), é um dos mais importantes santuários marianos do mundo. O atual reitor deste santuário é o Padre Carlos Manuel Pedrosa Cabecinhas.

Em 1917 (ano da revolução soviética), Jacinta Marto, Francisco Marto e Lúcia dos Santos (conhecidos por “os três pastorinhos”), dizem ter presenciado seis aparições de Nossa Senhora nos dias 13, de Maio a Outubro, tendo em Agosto acontecido no dia 19. No essencial da mensagem, Nossa Senhora teria pedido que se rezasse o terço todos os dias, conversão, e penitência.”

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Santu%C3%A1rio_de_F%C3%A1tima

Entradas Mais Antigas Anteriores

The twitteramigos Daily

Paperli.PaperWidget.Show({
pid: 'laboure_lima/twitteramigos',
width: 200,
background: '#FB0000'
})

%d blogueiros gostam disto: