Feitiço das Letras

20141023-012050.jpg
23 de Outubro é uma data especial para mim… Nesse dia nasceu o homem que me ensinou, desde muito cedo, a gostar da criação literária e da poesia.

Aprendi com ele a me deixar enfeitiçar e afeiçoar pelas propriedades líricas e pelo brilhantismo da capacidade de síntese, que só os bons poetas são capazes.

Ele traçou o caminho que hoje é a minha trilha de vida… Antes de ser a editora que avalia conteúdos de livros, devo confessar que sou uma leitora tão viciada que leio até bula de remédio.

Foi uma grande perda, quando ele ‘partiu para o infinito’. Ás vezes, penso que gostaria de ter experimentado o prazer de ver o brilho das suas retinas, ao saber da vocação profissional que abracei. Não duvido que isso lhe daria imenso gosto. E essa minha escolha profissional, por fim, se tornou um tributo póstumo ao mais querido amigo que já tive em toda minha vida. Acredito que ele nos ‘envia sinais’ para ser lembrado. E isso, na maior parte das vezes, ocorre de alguma forma com livros…

Assim aconteceu mais uma vez, quando avistei a pequena leitora, nessa foto que ilustra o post. Foi essa foto que me levou a escrever, via celular, nas primeiras horas desse dia que seria o seu 101º aniversário. Embarquei na fantasia e me deixei levar ao fantástico túnel do tempo, aonde, visitei por alguns instantes a minha memória afetiva. Senti o prazer da lembrar como era folhear os seus livros, ainda na infância, mesmo antes de aprender a ler… Os momentos mágicos dos nossos ‘encontros entre letras’ ficaram gravados no meu coração para a vida toda.

Sempre apreciei a adorável companhia dele, que nunca deixou de ser o meu fiel conselheiro, principalmente, nas jornadas literárias. Obrigada por tudo, papai 💜

Que o Senhor Deus conceda muita Luz e Paz ao seu espírito. 🙏🙏🙏

23 de Outubro é uma data especial não só para mim, mas para toda nossa família. Esse era o dia do aniversário do meu pai Geraldo Moreira de Almeida Lima, o Fiscal de Rendas que era poeta e assinava as suas criações literárias sob o pseudônimo ‘Chinês’, o motivo da escolha para esse pseudônimo se devia ao fato dele ter os olhos puxados como os dos chineses. Se vivo fosse, ele estaria completando, hoje, 101 anos.

PS. Esse texto foi escrito online e com isso não teve chance de revisão.

Anúncios

4 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Labouré Lima
    nov 03, 2014 @ 16:43:50

    Bem vinda, Claudia Marcia🌷 Obrigada prima, um beijão!

    Curtir

  2. claudia marcia
    out 26, 2014 @ 20:43:26

    também fez parte da minha vida,embora por pouco tempo , quando voltei de Recife ele á tinha partido , mais foi um tio muito legal, eu admirava o jeito de caminhar dele era devagar mais com segurança para onde fosse , e um homem respeitador ,um coração lindo . que tenha muita luz .

    Curtir

  3. Labouré Lima
    out 23, 2014 @ 12:40:35

    Olá Raquel, superlinda😘 Sim, são aquelas lembranças que ocupam lugar especial, na mente e no coração. Obrigada querida💜

    Curtir

  4. Raquel Ramos (@rranjos)
    out 23, 2014 @ 10:45:48

    LINDO! São lembranças da vida. Raquel

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The twitteramigos Daily

Paperli.PaperWidget.Show({
pid: 'laboure_lima/twitteramigos',
width: 200,
background: '#FB0000'
})

%d blogueiros gostam disto: