Enquanto houver vida…

 

O outono chegou e  o mês da mulher já está se despedindo…

Quantos acontecimentos trágicos ocorreram no mundo, nesse período!

O destaque, sem dúvida, é o terremoto seguido de tsunami  no Japão que mudou o eixo da terra e trouxe o risco de um acidente nuclear, uma ameaça ainda presente…

Como se não bastasse… ainda estamos tentando entender a crise na Líbia e como seus reflexos podem influenciar a vida no ocidente… isso sem falar no espírito solidário que é despertado pelas imagens do noticiário: “A Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) concordou em assumir o comando total das operações militares na Líbia, o que implica a direção dos ataques contra alvos terrestres, destinadas à proteção da população civil líbia.”

São tantas perguntas se infiltrando na nossa cabeça que a todo instante surgem indagações novas: será o fim de tudo? quando será? como será? estará próximo? existe a possibilidade de que um simples botão possa causar destruição em massa? ou tudo isso faz parte de uma teoria da conspiração para fragilizar a humanidade, enquanto um grupo assume o controle da nova ordem mundial? seria isso possível? talvez… quem sabe?… Não se pode negar que a globalização reduziu o mundo ao tamanho da palma da mão.

Seja como for,  isso nos leva a uma grande reflexão sobre a vida, e o que estamos fazendo de nós mesmos, ou como estamos vivendo… Com certeza, essa onda de acontecimentos, deve ter feito muita gente refletir sobre a importância de se viver cada dia, como se fosse o último, valorizando mais e mais essa dádiva que se chama vida…!

E a propósito desse post, não era para abordar as agruras do mundo, mas acabou acontecendo…

Na verdade, a proposta primordial era partir da música para dedicar o post  às mulheres… essas que estão apaixonadas… ou aquelas que sofrem por um amor não correspondido… ou mesmo as que desejam encontrar o ser  amado e viverem felizes pra sempre!

Essa música, na verdade, deve ser ouvida como um alerta para que a mulher acorde em tempo, e não se deixe usar como objeto…

Um amor vale muito, sim ele vale! Mas a vida vale muito mais que apenas um amor…!

Enquanto houver vida, existirá sempre a possibilidade de se amar muitas vezes…

O amor não se resume na existência de apenas uma pessoa na nossa vida. Todas as pessoas que estão a nossa volta merecem receber o nosso amor. As formas de amar é que são diferentes! É preciso ter atitude para realçar os verdadeiros valores e observar a intuição para entregar o amor a pessoa certa…

A mulher deve procurar observar a alma feminina que existe em cada homem. Alguns aceitam, outros não. Os que negam são os machistas. Já os que aceitam, são maravilhosos companheiros! Eles entendem a mulher verdadeiramente e sabem compartilhar do seu sentimento. São homens que aprenderam a valorizar a mulher em sua plenitude!

O amor verdadeiro amor, não é egoísta. A sua essência é livre por natureza e por isso não precisa ser acorrentado!

Amar sem sofrer é quase uma utopia!  Mas,  sofrer por amor não pode existir como ideal de vida!

Lindo é viver, amar e deixar viver… tudo sempre por amor!

Anúncios

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Labouré Lima
    mar 28, 2011 @ 07:34:41

    Obrigada querida, é uma honra ter seu comentário aqui! Bem, não posso negar que o objetivo de tudo que escrevo é mesmo alcançar a emoção dos leitores. e se vc assim o diz, me dou por satisfeita, Um grande beijo e ótima semana pra ti, guria 😉

    Curtir

  2. Rute Favero
    mar 28, 2011 @ 06:08:26

    Q lindo isso q escreveste, Labouré!
    É até emocionante, sabias?
    Bom poder ouvir (ler) isso de ti…. é bom acreditar no amor, acreditar q é possível ser feliz, mas acima de tudo, q antes de mais nada, devemos amar a nós mesmas.
    Boa lembrança, querida!
    Beijão e.. bem, hoje já é segunda, então, uma linda semana!
    Rute

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The twitteramigos Daily

Paperli.PaperWidget.Show({
pid: 'laboure_lima/twitteramigos',
width: 200,
background: '#FB0000'
})

%d blogueiros gostam disto: