Feliz Ano Novo!

 

*Paz*

*União*

*Alegrias*

*Esperanças*

*Amor*Sucesso*

*Realizações*Luz*

*Respeito*Harmonia*

*Saúde**Solidariedade*

*Felicidade*-*Humildade*

*Confraternização*-*Pureza*

*Amizade*-*Sabedoria*Perdão*

*Igualdade*Liberdade*-*Boa Sorte*

*Sinceridade*Estima*-*Fraternidade*

*Equilíbrio*-*Dignidade*-*Benevolência*

Prosperidade em 2011!


“…um sonho… O sonho de manter acesa a chama vibrante, intensa e colorida da infância. Um tempo marcado pelo encantamento da atmosfera onírica que rege a primeira e mais importante fase de nossas vidas. (…) Muito dessa beleza e dessas qualidades da infância é adquirido e aprimorado por meio das histórias que, quando crianças, ouvimos de nossos familiares – pais, mães, avôs, avós, tios e tias – e professores. Histórias que também chegam por leituras, filmes, desenhos animados, peças de teatro.” (Gabriel Ghalita – Pedagogia do amor, Gente, 2003, p. 9 e 10)

“Ser solidário é ter o coração comprometido com razões e emoções superiores às mesquinharias cotidianas, ao materialismo exacerbado, às pequenezas mundanas que podem sugar, aos poucos, a energia vital dos seres humanos.” (Gabriel Chalita – Pedagogia Do Amor, Gente, 2003, p. 182 e 183)

“Solidariedade é uma palavra transformadora. Uma palavra impregnada de força, de singeleza, de dedicação de espírito de entrega – características e sentimentos imprescindíveis à vida em sociedade e, por isso mesmo perfeitos para ilustrar a importância de propagar esse conceito e os benefícios de seu exercício aos quatro ventos.” (Gabriel Chalita – Pedagogia do amor, p.193)

“Chega de viver entre o Medo e a Raiva! Se não aprendermos a viver de outro modo, poderemos acabar com nossa espécie. É preciso começar a trocar carícias, a proporcionar prazer, a fazer com o outro todas as coisas boas que a gente tem vontade de fazer e não faz, porque ‘não fica bem’ mostrar bons sentimentos! No nosso mundo negociante e competitivo, mostrar amor é… um mau negócio. O outro vai aproveitar, explorar, cobrar… Chega de negociar com sentimentos e sensações. Negócio é de coisas e dinheiro – e pronto! (…) Vamos nos reforçar positivamente. É o jeito – o único jeito – de começar um novo tipo de convívio social, uma nova estrutura, um mundo melhor.” (1985, p. 9).

CHALITA, Gabriel. Pedagogia do amor: a contribuição das histórias universais para a formação de valores das novas gerações (5ª edição). São Paulo: Gente, 2003.

SHINYASHIKI, Roberto. A carícia essencial: uma psicologia do afeto (Introdução de José Ângelo Gaiarsa, 1ª edição). São Paulo: Gente, 1985.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The twitteramigos Daily

Paperli.PaperWidget.Show({
pid: 'laboure_lima/twitteramigos',
width: 200,
background: '#FB0000'
})

%d blogueiros gostam disto: