Humor infeliz

Stallone “cobra” do Brasil…

Ainda na parte da tarde, li rapidamente um tweet comentando o “Cala boca Sylvester Stalloone”  que achei engraçado. Mas por estar muito ocupada, não tive a chance de parar pra ler e me inteirar do que estava acontecendo. Já em casa, na parte da noite, vi o nome dele no topo do  TT e logo pensei, o cara aprontou. Quero saber como surgiu. ntes, havia postado um pensamento para brincar com os amigos no Twitter.

Estava no Facebook, respondendo ao comentário de uma amiga que mora nos EUA e  ela estava defendendo Sylvester Stallone no caso do “humor infeliz” – como desculpou-se ele – se referindo ao Brasil e aos brasileiros. Esse assunto me arrebatou e como não consegui abreviar meu pensamento,  optei por transformá-lo num post do blog.

… vc mesma reconhece, quando diz: “Eu acho, sim, que todos têm que ter limites, lisura, respeito para com os outros.” Depois de ler todo o post dela, voltei para a frase acima e senti uma incontrolável vontade de me expressar. Então, comecei a emitir minha opinião sobre o assunto.

No meu entender, ele cometeu falta de respeito, não teve limite, nem lisura e mereceu sim, um bem dado CALA BOCA SYLVESTER STALONE pelo Twitter, atingindo o primeiríssimo lugar no TT. Tal foi a revolta da galera que inclusive é fã dele e o tratou muito bem qd esteve filmando aqui. Para casos como esse, temos que lembrar daquele ditado popular: “Quem fala o que quer escuta o que não quer!” Ele podia ter pensado nas consequências, antes de falar desse país onde tem milhares de fãs. Menos eu, que odeio a violência dos filmes dele! Uma celebridade como Stallone, vive do $uce$$o da bilheteria dos filmes, que os fãs pagam pra ver. Ele só vai entender a resposta, se a bilheteria do filme corresponder ao volume de críticas. Vou ficar na torcida contra o filme. Tomara que os fãs sejam firmes e mantenham a indignação. Ele fez uma piada grotesca e ridicularizou nosso país no âmbito internacional.  Certamente, quando soube do tamanho da pressão dos brasileiros pelo Twitter, resolveu  distribuir uma Nota de Imprensa com pedido de desculpas. Vamos acompanhar pra ver se vai ficar o dito pelo não dito. A vida ensina que “há coisas que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida.”

Não precisamos do Stallone pra saber que tem muita coisa errada com o Brasil e como tem! São problemas internos, que pertencem aos brasileiros. Temos até piadas sobre o tema, que os Cassetas gostam de fazer. E acabamos rindo dessa bagunça toda que é o Brasil.

Cada vez mais, me convenço que ser ou não ser patriota é uma questão de escolha, vivemos numa democracia. Tem brasileiro que suja o nome do Brasil, dentro e fora do país. Isso é o tempo todo! Mas não é só coisa de brasileiros… No planeta inteiro tem gente pra tudo, cometendo crimes absurdos! Tudo tem seu preço e de alguma forma os erros são cobrados. Uma hora eles pagam pelo que fazem! No nosso caso, a acolhida que os brasileiros sempre deram aos estrangeiros, originou até um personagem humorístico que dizia: “Brasileiro é tão bonzinho!” E é nisso que dá! Os bonzinhos sempre se… dão mal!  O nosso povo é alegre, receptivo, carinhoso e também é desleixado com suas coisas. Quanto mais sofre, mais precisa aprender, pagando com a própria dor. Somos um país jovem e precoce, que cresceu desordenadamente, sem estrutura pra suportar o gigantismo. E o maior de todos os pecados foi cometido durante o crescimento do Brasil. Os governos se sucederam e não deram prioridade ao setor da educação! Desde os tempos de escola, aprendemos que o lema da nossa bandeira é “Ordem e Progresso”. Mas aconteceu que a ordem acabou invertida, porque o progresso gerou uma grande desordem. A  democracia é um tipo de liberdade que deve ser exercida com critérios. Mas no Brasil, isso não aconteceu. O que temos visto são excessos de permissividade, tanto na esfera política quanto na camada social. Creio que foi assim que viramos o país do “jeitinho brasileiro”. Alguns, principalmente os políticos e a burguesia, acham que aqui tudo pode… Mas não é bem assim… A ordem tem que voltar ao seu lugar de origem, no nosso lema. Primeiro Ordem depois Progresso. Ordem na educação, saúde e habitação. Progresso na geração de rendas e oportunidade de empregos. Somos um povo feliz pela própria Natureza, donos da maior riqueza!  Sobre ser ou não patriota, o comportamento sempre fala mais alto. Esperamos que os brasileiros aprendam a deixar de votar em políticos corruptos. Estes subtraem o que pertence ao povo, sem nenhum respeito pelos votos que os elegeu. Enfim, é preciso amar o Brasil para ter orgulho da própria nacionalidade.

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. ஜ۩♥Paz & Amor♥۩ஜ
    out 02, 2010 @ 12:27:15

    Olá amiga como estas?
    Passei para deixar meu beijinho…

    Curtir

  2. Marcos
    ago 01, 2010 @ 17:45:57

    Eu não diria que o Stallone está errado de todo, mas deveria, no mínimo, ser cortez com um povo e um país que o acolheram muito bem. Comportou-se como um convidado que vai a uma festa, come, bebe, paquera, é paparicado e sai falando mal.
    Muito deselegante por parte dele.

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The twitteramigos Daily

Paperli.PaperWidget.Show({
pid: 'laboure_lima/twitteramigos',
width: 200,
background: '#FB0000'
})

%d blogueiros gostam disto: