convite do livro HOTEL GLÓRIA

A ilustração acima reproduz o convite para o lançamento do livro “Hotel glória –  um tributo à era Tapajós”  de  Maria Clara Tapajós,  prefaciado pelo Presidente do Senado José Sarney e apresentado pelo Presidente Luís Inácio Lula da Silva e o ex-Presidente Fernando Henrique Cardoso. A idéia de contar a história dos áureos tempos do hotel é muito boa! Não há dúvidas que vai despertar o interesse de leitores e pesquisadores. Realmente, o endereço é nobre e histórias não lhe faltam. Considerando que o hotel vive o limiar de um novo tempo a ser pontificado por outro nome ilustre – Eike Batista – que vem trazer  uma reforma  necessária para o vigor do complexo hoteleiro. Tudo  isso, incluindo o livro, é muito auspicioso! Para usar a palavra certa e que está no auge. O Rio de Janeiro merece!

Essa notícia me empresta um certo ar de nostalgia… Pois, me casei em Niterói e, logo na primeira noite, fui morar na Rua do Russel. Vivemos ali, por 16 anos inesquecíveis. Sentíamos orgulho dos nossos vizinhos: o Glória de um lado e a Editora Bloch do outro, mais tarde veio a Manchete, lugar que até bem pouco tempo, ainda era a minha seção eleitoral. E, ainda tem a Rádio Globo, como outra referência do lugar. Enfim, tenho duas filhas cariocas da Rua do Russel. Elas aprenderam a nadar na baby class da piscina do Glória. Onde jantamos e almoçamos muitas vezes, em ocasiões festivas da nossa família. Bons tempos, que ficarão preservados para sempre, em nossa memória afetiva.

Relembrar tantas coisas significativas, me fez pensar nas muitas histórias que estão no entorno do Hotel Glória… e quantos livros precisariam ser escritos para contá-las.

Sobre o prefaciador e os apresentadores do livro, a escolha não poderia ser outra, levando-se em conta que o hotel era  uma extensão da residência presidencial. E o mais, “prefiro não comentar”… com a excessão dessa parte, todas as outras são benéficas ao sucesso do livro, que deve resgatar muitas recordações boas, para gáudio dos leitores.

**********

Abelardo Barbosa – Chacrinha – nosso saudoso papa da comunicação tinha razão quando dizia: “Nada se cria, tudo se copia!”  Ré confesso, revelo que inspirei-me para esse post, respondendo matéria semelhante, no blog da querida Selma Barcellos.   http://www.tiaselma.com/

Anúncios

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Labouré Lima
    ago 31, 2009 @ 14:24:33

    Maravilha de homenagem! Você é dar inveja! Use uma figa! (rs) Selma querida, já passei lá no seu blog e comentei também. Acredito que tenha lido.

    Curtir

  2. Selma Barcellos
    ago 12, 2009 @ 16:52:59

    Querida, Nuno Júdice lá no tiaselma. Senhor poeta do seu ( agora meu também) Portugal.

    Beijocas!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

The twitteramigos Daily

Paperli.PaperWidget.Show({
pid: 'laboure_lima/twitteramigos',
width: 200,
background: '#FB0000'
})

%d blogueiros gostam disto: